Energia Solar em Condomínios

Mostrando a importância que o Brasil tem dado para a mini e microgeração de energia, novas modalidades foram elaboradas a fim de aumentar a quantidade de residências e comércios que possam gerar a sua própria energia.

Desde o início de 2016 um condomínio pode agora ter uma geração própria de energia solar através de painéis fotovoltaicos e ratear os benefícios com os moradores que queiram participar dessa iniciativa, que trás tantos benefícios para o meio ambiente e para o seu bolso.

E como funciona a distribuição dos créditos e descontos?

O condomínio como pessoa jurídica será o gerador e administrador dessa energia, e o mesmo deverá disponibilizar um local para a instalação dos painéis fotovoltaicos. Um documento deverá ser feito mostrando qual será a porcentagem da geração desta energia do condomínio e de cada morador!

Por exemplo, em um condomínio residencial o síndico em assembléia definiu que 40% da geração de energia será para benefício das áreas comuns, como iluminação externa, salão de festa, piscinas entre outros. O restante dos 60% será dividido igualmente entre os moradores.

E quais são os diferenciais para o condomínio?

A partir do momento que houver geração de energia o desconto na conta de luz da administração e áreas comuns poderá ser passado direto aos moradores como redução no valor do condomínio mensal!

O valor economizado também poderá ser utilizado para melhorias, como áreas de lazer e segurança!

O custo da instalação poderá ser fracionado, o que reduzirá o valor do investimento inicial e a própria economia irá pagar todo o sistema!

Quer saber mais como a energia solar pode trazer benefícios para o seu condomínio? Entre em contato conosco!

[Heateor-SC]

VEJA MAIS POSTS